Desafio Musical 52 Álbuns {01/52} – Para Embalar Começos e Recomeços.

Audrey Hepburn at home circa 1953 Photo by Bud Fraker
Como eu citei no post anterior, estou participando do Desafio Musical da Victoria, do Borboletando. Sim, seria mais bacana se eu tivesse iniciado o desafio na primeira semana de Janeiro, pois iria concluir em Dezembro, mas, por motivos diversos, não foi possível. Então, vou começar hoje, e terminar em Abril/2016, sem problemas, sem choro, obrigada, de nada.

O desafio consiste em, basicamente, indicar um álbum por semana, de acordo com os temas sugeridos no descritivo. A ideia geral é seguir os tópicos na ordem original, mas não existem regras específicas falando sobre isso, portanto, se eu alterar um ou dois itens, não se preocupem, não estou roubando hahahahaha pra terminar mais cedo, porque no final, todos os 52 tópicos serão adicionado ;). Mas, vou iniciar com o primeiro tópico do desafio, corretamente, pra mostrar que eu posso ser disciplinada, ok? Hahahahaha.

MCIS_Cover

Este tópico foi fácil, porque eu adoro a banda. Então, assim que li “para embalar começos…”, meu cérebro gritou HEY! MELLON COLLIE!, pois é um dos meus álbuns favoritos.
Mellon Collie and the Infinite Sadness
é o 3º álbum da banda Smashing Pumpkins, e foi lançado em 24 de Outubro de 1995.

smashingpumpkins

O álbum é duplo na versão CD/cassete, possuindo 14 faixas no Disco 1: Dawn to Dusk, e mais 14 faixas no Disco 2: Twilight to Starlight. Porém, a versão em vinil é um álbum triplo, sendo Lado 1: Dawn, Lado 2: Tea Time, Lado 3: Dusk, Lado 4: Twilight, Lado 5: Midnight e Lado 6: Starlight, e cada lado do disco possui 5 faixas. A versão em vinil possui 2 faixas bônus, a “Tonite Reprise” e a “Infinite Sadness”. Com exceção de Take Me Down, todas as letras foram escritas por Billy Corgan – Farewell and Goodnight, tem a participação de James Iha na composição -, e ele também fez parte de toda a produção do álbum, ao lado de Alan Moulder.
O álbum, inclusive, possui uma das minhas músicas favoritas de todos os tempos, que é 1979 (nostalgia na veia e no ♥).

Quando foi lançado foi o maior auê: estreou na 1º posição na Billboard (inclusive, foi a primeira vez na história da banda)! Além disso, existem vários outros prêmios/títulos: em 1997 a música Bullet With Butterfly Wings recebeu um Grammy; em 1998 foi votado como o 29° maior álbum de todos os tempos pela Revista Q (Britânica – a votação foi feita com os leitores); em 2003 recebeu a 487° posição na lista dos 500 Melhores Álbuns de Todos os Tempos, da revista Rolling Stone; foi eleito melhor álbum de 1995 pela Revista Time, e ocupa a 149° posição na lista dos 200 álbuns definitivos do Rock and Roll Hall of Fame.

 


Billy Corgan começou a compor as músicas do álbum após a turnê do álbum Siamese Dream, e entre o final de 1994 e início de 1995, a banda fez 4 concertos para apresentar algumas músicas aos fãs (foi proibida a entrada da imprensa, e de qualquer tipo de câmera filmadora ou fotográfica, e gravadores). A recepção do público foi incrível, superando as expectativas dos membros da banda, o que os motivou ainda mais a entrar em estúdio, o que ocorreu em Março, de 1995. A banda passava a maior parte do tempo no estúdio, chegando a gravar por até 16 horas/dia, sendo que o Billy Corgan, às vezes, ficava até 18 horas/dia trabalhando no acabamento das músicas. O processo de gravação foi finalizado em Agosto (1995), com o total de 56 faixas – que foram reduzidas para as 28 faixas oficiais.


Ficha Técnica
Nome: Mellon Collie and the Infinite Sadness – Spotify.
Lançamento: 1995.
Melhores músicas: 1979 (♥), Bodies, Porcelina of the Vast Oceans, Cupid De Locke e Tonight, Tonight.
Curiosidade útil: As faixas que não foram inseridas no álbum, foram lançadas posteriormente em uma coletânea de singles e lados b, com o título The Aeroplanes Flies High.
Curiosidade inútil: Sempre que ouço/leio o título deste álbum, penso em The Meloncholy Death of Oyster Boy and Other Stories, do Tim Burton, hahahahaha ♥.

Agora, é só apertar o play e curtir um dos melhores álbuns de todos os tempos ♥.
E, para acompanhar todos os posts do Desafio Musical, é só clicar aqui e seguir a tag 52 Álbuns ;).

Smaaack ♥.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: